fbpx
< outras novidades
Banner_Blog_DKP - cópia

Como preparar o fio para a próxima coloração

Compartilhe

Para conquistar um visual moderno e diferente, além de pensar nas tendências de coloração, também é importante preparar o fio antes de qualquer procedimento químico.

Assim, você conseguirá deixar o seu cabelo mais forte e saudável para o procedimento, diminuindo as chances de quebra, queda e enfraquecimento capilar.

Quer saber como preparar o fio para a próxima coloração? Continue a leitura.

Por que cuidar dos fios antes da coloração?

Muitas pessoas não se atentam para a importância do cuidado pré-tintura. Ele é indispensável para manter a estrutura capilar após o procedimento e também para dar condições para uma coloração mais adequada e uniforme.

Um cabelo muito ressecado ou poroso corre o risco de não absorver corretamente os pigmentos das tintas, o que pode ocasionar manchas ou uma cor diferente da que você gostaria.

Já se os fios estiverem muito mal nutridos e fracos, a tintura (que é um processo químico) contribuirá para ampliar a agressão a esse cabelo, piorando o ressecamento e o frizz e levando à queda devido a quebra do fio ou até ao corte químico.

Quais os principais cuidados para preparar os cabelos para a tintura?

Como você viu, cuidar das madeixas antes de mudar a tonalidade é fundamental para garantir um resultado ainda mais bonito, duradouro e profissional. Veja as dicas mais importantes.

1. Avalie o cabelo antes de pintar

Se você for pintar o cabelo no salão de beleza, é recomendado passar por uma avaliação com o profissional antes de fazer o procedimento. Assim, ele poderá analisar a situação dos seus fios e indicar os tratamentos corretos para fortalecer e preparar as madeixas.

2. Hidrate, reconstrua e nutra os fios

Caso a ideia seja fazer a pintura em casa, é fundamental também avaliar o grau de dano do cabelo e tentar entender qual tratamento ele precisa mais.

Os cabelos ressecados e sem brilho podem precisar de mais hidratação, enquanto os com bastante frizz e aparência ressecada e porosa podem necessitar de uma dose extra de nutrição.

Já se você realiza tinturas, químicas ou descolorações com frequência e está notando o seu cabelo frágil, quebradiço ou elástico, a dica é investir em uma boa reconstrução para devolver massa a esse fio.

Você poderá, por exemplo, investir no cronograma capilar cerca de 15 a 20 dias antes da coloração, ajudando a repor água, óleo e nutrientes essenciais ao seu cabelo, para deixá-lo mais forte e saudável.

3. Faça uma decapagem

A decapagem é o processo que retira os pigmentos artificiais do cabelo que podem estar presentes em pessoas que fazem uso de tinturas permanentes ou tonalizantes.

Os pigmentos pretos e ruivos são mais difíceis de serem retirados e por isso pode ser necessário mais de uma sessão para não manchar os fios.

A técnica deve ser empregada por pessoas que já usam tintura e querem deixar o resultado da coloração mais uniforme, ou para quem pinta os cabelos de castanhos escuros ou pretos e querem mudar para uma cor mais clara.

Porém, é preciso atenção. Principalmente se a ideia é fazer a decapagem em casa, já que os fios também precisam ser cuidados antes do procedimento. O ideal é investir em uma boa hidratação antes e depois da decapagem.

4. Aplique uma pré-coloração

Dependendo da tintura escolhida, no dia da coloração é possível aplicar uma espécie de sérum nos fios, que ajuda a prepará-los e protegê-los para o procedimento.

Esse produto forma uma espécie de “capa protetora” em torno dos fios, o que proporciona mais brilho após a coloração e evita a ação mais agressiva das tinturas.

E, claro, depois de fazer a coloração é preciso manter os cuidados com os cabelos, investindo em boas hidratações, nutrições e reconstruções para evitar o desbotamento, a quebra e outros problemas.
Gostou deste conteúdo? Compartilhe nossas dicas com as suas amigas nas redes sociais!

Compartilhe
< outras novidades